Habilitação: Bacharelado em Psicologia
Duração: 5 anos
Entradas semestrais: 02
Forma de acesso: Processo Seletivo
Vagas por semestre: 40 vagas
Vagas anuais: 80 vagas
Horário de funcionamento: Noturno
Local: Favenorte de Porteirinha
Integralização: 5 anos ou 10 semestres, mínimo, 7 anos ou 14 semestres, máximo.
Carga horária do curso: 4.000 horas ou 4.800 horas/aulas
Nota MEC IC: ★★★★

O CURSO DE PSICOLOGIA DA FAVEPORT visa preparar profissionais de destaque para o mercado de trabalho, formando um profissional capacitado para as necessidades de nossa sociedade, de modo que busque uma visão holísticas dos principais paradigmas presentes na mesma, além de desempenhar uma postura ética e humanizada, construindo sua formação a partir de princípios teóricos e embasamentos científicos.
A PSICOLOGIA é uma das profissões que mais cresceu nos últimos anos, devido ao seu amplo campo de atuação, sendo regulamentada pelas legislações: Decredo-Lei 4119/62. A Psicologia é uma ciência que busca estudar o comportamento humano e as suas interações com o ambiente físico, psíquico e social. Desenvolvendo um papel fundamental no tratamento de doenças ou distúrbios mentais.
O curso de Bacharel em Psicologia oferecido FAVEPORT tem duração de 5 anos, é uma ciência que busca estudar o comportamento humano e as suas interações com o ambiente físico, psíquico e social. Desenvolvendo um papel fundamental no tratamento do estados e processos mentais dos pacientes, como doenças ou distúrbios mentais. Possibilitando assim, o enfrentar das dificuldades ou demandas apresentadas, caracterizando desta forma como uma profissão que, nos últimos anos, vê seu mercado de trabalho em franca expansão.
A Psicologia tem como uma de suas finalidades, a compreensão do paciente e sua relação com os grupos aos quais está inserido, já que possui um conjunto dos traços psicológicos que caracterizam essa relação, auxiliando deste modo, no enfrentamento dos problemas emocionais e de personalidade.

O curso de PSICOLOGIA da FAVEPORT visa suprir a carência de mercado na formação direcionada de profissionais para atuarem nesta área e contribuir sobremaneira para o desenvolvimento de uma região cujo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) apresenta uma média 20% abaixo da média estadual e nacional. Em 2000 a região possuía um índice de analfabetos entre 18 e 24 anos de 10% e de 25 anos ou mais 40%, conforme informações do censo do IBGE , quadro que não teve alteração significativa, o que vem de encontro à necessidade de interiorizar o Ensino Superior, especialmente em regiões como o Norte de Minas e Vales do Jequitinhonha e Mucuri com características semelhantes ao Nordeste, apesar de estarem localizados no Sudeste Brasileiro.
Levando-se em consideração esse baixo IDH, a oferta deste curso de graduação atenderá à demanda educacional, humana e social, objetivo básico da interiorização do Ensino Superior. Adicionalmente, a criação do curso PSICOLOGIA vai proporcionar o retorno de muitos profissionais que migraram para outros centros em busca de oportunidades de trabalho e que poderão contribuir com o projeto de desenvolvimento do Norte de Minas.
A criação do curso de PSICOLOGIA possibilita a formação de profissionais da Saúde/Psicólogos que irão atuar principalmente no norte do estado de Minas Gerais, Vales do Jequitinhonha e Mucuri e Sul da Bahia o que caracteriza o marco inicial de grandes mudanças nos padrões de assistência a saúde, na qualidade de vida e no nível educacional da população local, melhorando a perspectiva de vida e o futuro da população desta região do país, que atualmente apresenta baixos índices de desenvolvimento social.
A região onde está localizada a FAVEPORT, com 89 municípios, só oferece 2 cursos de Psicologia, na cidade de Montes Claros. Devido ao pequeno número de vagas ofertadas, a demanda dos estudantes não está sendo atendida, já que nem as instituições públicas ofertam o respectivo curso.
A criação do curso de PSICOLOGIA em Porteirinha, além de permitir que estudantes da região tenham maior possibilidade de se tornarem Psicólogos, facilitará a fixação destes profissionais na região, fato este, que favorecerá sobremaneira o desenvolvimento regional, bem como promoverá a inserção dos respectivos profissionais em programas de prevenção, promoção da saúde e assistência de pacientes portadores de diferentes enfermidades neuropsicossociais.

O curso de Psicologia da Faculdade Favenorte de Poteirinha – FAVEPORT, busca sempre se atualizar a questões sociais contemporâneas. Preocupando-se em firmar parcerias e convênios com empresas, organizações e órgãos privados e públicos para que os acadêmicos possam usufruir de diversas possibilidades de estágios e visitas técnicas. De modo a compreender o homem em diversos aspectos de sua construção como as relações sociais, o psiquismo, a linguagem, a aprendizagem, assim como o estudo deste processo como condição para a compreensão da evolução e das suas alterações psicológicas.
Durante toda a graduação são realizados projetos de extensão para que haja compartilhamento de experiências entre comunidade e acadêmico, onde o mesmo atua, sob orientação do corpo docente com diversas possibilidades de intervenções.

O curso oferece professores altamente capacitados, uma clínica escola para desenvolvimento das suas habilidades acadêmicas e laboratórios muito bem estruturados, sendo realizadas aulas teóricas e práticas, que possibilitam uma consolidação das informações transmitidas em salas de aula. Oferecemos um ensino voltado para desenvolvimento das potencialidades, através de metodologias ativas e instrumentos de ensino atualizados, além de estímulo à pesquisa, projetos de extensão e fornecendo estágios supervisionados básicos e específicos.
O profissional graduado em Psicologia pela FAVEPORT vai estar preparado para realizar atividades primordiais no cuidado com o paciente, reabilitando e recuperando sua saúde, primando pelos princípios éticos, compreendendo a comunidade e cultura ao qual está inserido e fornecendo para as empresas habilidades para potencializar suas atividades. Deste modo o acadêmico passa a propiciando diagnósticos em diversos domínios e níveis de ação profissional, possibilitando assim maior qualidade de vida aos seus pacientes.

O curso de PSICOLOGIA da FAVEPORT apresenta-se com uma proposta de formação de profissionais generalistas, humanistas, críticos, reflexivos, capazes de atuar em todos os níveis de atenção à saúde, com base no rigor científico e intelectual e articulados com as necessidades locais e regionais.

HABILIDADES GERAIS
Profissional com habilidades gerais que serão desenvolvidas ao longo do curso, envolvendo:
I. Atenção à saúde
1. Aptidão para o desenvolvimento de ações de prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde, tanto em nível individual quanto coletivo.
2. Desenvolvimento de prática de forma integrada e continua com as demais instâncias do sistema de saúde.
3. Capacidade de pensar criticamente, de analisar os problemas da sociedade e de procurar soluções para os mesmos.
4. Realização de serviços dentro dos mais altos padrões de qualidade e dos princípios da ética/bioética, tendo em conta que a responsabilidade da atenção à saúde não se encerra com o ato técnico, mas sim, com a resolução do problema de saúde, tanto em nível individual como coletivo.
II. Tomada de decisões
1. Capacidade de tomar decisões visando o uso apropriado, eficácia e custoefetividade, da força de trabalho, de medicamentos, de equipamentos, de procedimentos e de práticas.
2. Competências e habilidades para avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas.
III. Comunicação
1. Acessibilidade e manutenção da confidencialidade das informações a eles confiadas, na interação com outros profissionais de saúde e o público em geral.
2. Habilidades de escrita e leitura;
3. Domínio de, pelo menos, uma língua estrangeira e de tecnologias de comunicação e informação.
IV. Liderança
1. Trabalho em equipe multiprofissional.
2. Aptidão para assumir posições de liderança, sempre tendo em vista o bem estar da comunidade.
3. Compromisso, responsabilidade, empatia, habilidade para tomada de decisões, comunicação e gerenciamento de forma efetiva e eficaz.
V. Administração e gerenciamento
1. Aptidão para a tomada de iniciativas, fazer o gerenciamento e administração tanto da força de trabalho, dos recursos físicos e materiais e de informação.
2. Aptidão para empreender, gestar, empregar ou liderar equipe de saúde.
VI. Educação permanente
1. Capacidade de aprender continuamente, tanto na sua formação, quanto na sua prática.
2. Responsabilidade e compromisso com a sua educação e o treinamento/estágios das futuras gerações de profissionais, mas proporcionando condições para que haja beneficio mútuo entre os futuros profissionais e os profissionais dos serviços, inclusive, estimulando e desenvolvendo a mobilidade acadêmico/profissional, a formação e a cooperação através de redes nacionais e internacionais.

HABILIDADES E COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS
Egresso/Profissional dotado de conhecimentos, habilidades e competências específicas para sua atuação profissional, comprometido com os/as:
I. Fundamentos epistemológicos e históricos que permitam ao formando conhecimento das bases epistemológicas presentes na construção do saber psicológico, desenvolvendo a capacidade para avaliar criticamente as linhas de pensamento em Psicologia;
II. Fundamentos teórico-metodológicos que garantam a apropriação crítica do conhecimento disponível, assegurando uma visão abrangente dos diferentes métodos e estratégias de produção do conhecimento científico em Psicologia;
III. Procedimentos para a investigação científica e a prática profissional, de forma a garantir tanto o domínio de instrumentos e estratégias de avaliação e de intervenção quanto a competência para selecioná-los, avaliá-los e adequá-los a problemas e contextos específicos de investigação e ação profissional;
IV. Fenômenos e processos psicológicos que constituem classicamente objeto de investigação e atuação no domínio da Psicologia, de forma a propiciar amplo conhecimento de suas características, questões conceituais e modelos explicativos construídos no campo, assim como seu desenvolvimento recente;
V. Interfaces com campos afins do conhecimento para demarcar a natureza e a especificidade do fenômeno psicológico e percebê-lo em sua interação com fenômenos biológicos, humanos e sociais, assegurando uma compreensão integral e contextualizada dos fenômenos e processos psicológicos;
VI. Práticas profissionais voltadas para assegurar um núcleo básico de competências que permitam a atuação profissional e a inserção do graduado em diferentes contextos institucionais e sociais, de forma articulada com profissionais de áreas afins.
Tais competências são desenvolvidas por meio de conteúdos que permitem a formação do perfil profissional do Psicólogo:
I. Generalista, humanístico, crítico, criativo, reflexivo e ético, preparado para atuar nos diferentes níveis de complexidade e de atenção à saúde, com base na melhor evidência científica, no rigor intelectual e nos avanços tecnológicos, resultante da identidade profissional construída ao longo do processo formativo;
II. Comprometido com o Sistema Único de Saúde, detentor de uma visão ampla e global, que respeita os princípios éticos/bioéticos e culturais tendo como propósito a saúde funcional do indivíduo e da coletividade, nas diferentes complexidades, mediante a análise contextualizada dos fatores pessoais e ambientais nas situações que envolvem o processo saúde-doença, na apropriação do conhecimento e dos recursos disponíveis;
III. Sensível à realidade sociocultural, sociodemográfica e socioeconômica das pessoas em seu meio com capacidade de compreender, interpretar, preservar, reforçar, fomentar e difundir as culturas nacionais e regionais, internacionais e históricas, em um contexto de pluralismo e diversidade cultural;
IV. Empático, atencioso e engajado às políticas públicas, questões sociais, culturais, epidemiológicas e ambientais com vistas à sustentabilidade e ao princípio da economicidade;
V. Propositivo, comunicativo e colaborativo no trabalho interdisciplinar e em equipe interprofissional, promotor e educador em saúde no fazer psicológico junto a pessoa, seus familiares e comunidade;
VI. Habilitado para estudar continuadamente o desenvolvimento do ser humano em todas as suas formas de expressão e potencialidades, quer nas alterações patológicas, cinético-funcionais, quer nas suas repercussões psíquicas e orgânicas, pertinentes a cada situação, utilizando as seguintes habilidades gerais e específicas:
VII. Implicado com a educação permanente de si e de outrem, com postura investigativa, inovadora e autonomia intelectual, atento às inovações tecnológicas e à produção de conhecimentos para as mudanças na situação de saúde em benefício da sociedade.
VIII. Ético no seu fazer profissional, respeitando os princípios da bioética, da deontologia, dos conhecimentos científicos, comprometido com as necessidades de saúde das pessoas no âmbito individual e coletivo;
IX. Detentor de conhecimentos e habilidades para o trabalho com gestão do sistema, dos serviços de saúde e do cuidado psicologicos, da atenção em saúde e da educação continuada;
X. Comprometido com o empreendedorismo com habilidades de liderança, proatividade, liderança e autonomia; com a política e organização das atividades do seu fazer profissional, guiado pelos princípios da eficiência, eficácia e efetividade.
A formação das competências profissionais é desenvolvida de forma a atender as áreas de atuação e de conhecimento do psicólogo, por meio das seguintes dimensões e domínios:
I. ATENÇÃO DA PSICOLOGIA À SAÚDE – eixo formador que aborda ações e serviços ofertados ao indivíduo, família e comunidades, respeitados a autonomia do ser humano, sua singularidade, o contexto social, econômico, sua história de vida, sua cultura e suas crenças;
II. GESTÃO, EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO EM SAÚDE – eixo formador que aborda os processos técnico-gerenciais, políticos e sociais implicados na área da saúde, tanto no domínio público como no privado, como também nas distintas esferas de gestão o que proporciona ao egresso a autonomia profissional, o comprometimento, a responsabilidade e a humanização, compreendendo, nessa conjectura, os domínios: gestão do cuidado em saúde, gestão dos serviços de saúde, e gestão da carreira profissional, assumindo o empreendedorismo e a inovação como elementos transversais e indissociáveis no processo de gestão em saúde;
III. EDUCAÇÃO À VIDA – eixo formador que aborda o domínio da educação permanente e da formação continuada. A educação permanente, ou educação informal é entendida como aquela que ocorre no cotidiano das pessoas por meio da convivência e do compartilhamento de saberes, fazeres e conhecimentos com família, colegas e demais atores sociais, enriquecendo a essência humana em todas as fases de sua existência. A formação continuada, ou educação formal, ocorre de modo mais estruturado por meio do programa de pós-graduação lato sensu e de modo não formal por meio de eventos, cursos livres, encontros de escolha pessoal e desejo de cada um.

Prof. Esp. Gabrielle Ferreira Silva

Especialista em Docência do Ensino Superior
Especialista em Saúde Mental

Pro. Esp. Breno Tayrone Domiciano Ribeiro
Prof. Me. Carlos Filipe Delmondes Vieira
Pro. Esp. Cleyton Araújo Mendes
Pro. Esp. Elen Lorena Lopes Silva Roque
Prof. Me. Fernanda Cardoso Rocha
Prof. Me. Fernanda Muniz Vieira
Prof. Esp. Gabrielle Ferreira Silva
Prof. Me. Janine Morais Pereira
Prof. Esp. Mayara Cantuária da Silva
Prof. Me. Mércia Otaviana Barbosa de Sá
Prof. Me. Miriane Santos Prates
Prof. Dra. Suzane Ariadina de Souza
Prof. Esp. Talita Vieira Cunha
Prof. Dra. Verlane Gonçalves Santos
Prof. Me. Wesley dos Reis Mesquita

Notícias